Edital do Banco do Nordeste disponibiliza R$ 5 milhões em recursos para empresas de TI do norte do estado para projetos de Inovação

Avalie este item
(0 votos)

 

Com o objetivo de fomentar o desenvolvimento de soluções inovadoras, por meio da concessão de subvenção econômica, e aumentar a competitividade das micro e pequenas empresas, com recursos não reembolsáveis, o Banco do Nordeste lançou o edital que contempla os estados da Região Nordeste e os municípios do norte do Espírito Santo e do norte de Minas Gerais.

Os recursos disponíveis, na ordem de R$ 5 milhões, são do Fundo de Desenvolvimento Econômico, Científico, Tecnológico e de Inovação (Fundeci).  O foco consiste em apoiar as pesquisas e o desenvolvimento científico, tecnológico e a inovação, além de melhorar os setores da região e possibilitar novos negócios. As propostas não devem ser inferiores a R$ 60 mil e nem superiores a R$ 300 mil, por projeto.

As empresas de TI associadas ao Sindicato das Empresas de Informática no Espírito Santo (Sindinfo) podem contar com o apoio do sindicato e do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) na elaboração dos projetos. A finalidade é dar suporte às empresas na eficácia das propostas junto ao Banco do Nordeste.

Os interessados em participar do edital devem efetuar o cadastro das empresas proponentes, representante legal e coordenadores do projeto até a data de 28 de agosto de 2019. Já as propostas devem ser apresentadas ao Banco do Nordeste, até o dia 2 de setembro de 2019, exclusivamente pela internet, por meio do Sistema de Gerenciamento de Convênios, no endereço www.bnb.gov.br/conveniosweb

 Os projetos devem contemplar soluções inovadoras para o desenvolvimento de novos produtos, serviços ou processos, ou mesmo, agregar novas funcionalidades aos já existentes.

 Os temas relacionados no edital são: Agronegócio – Biotecnologia - Cidades inteligentes e sustentáveis -  Concessão, administração e recuperação de crédito - Economia circular - Economia criativa - Educação (Edtechs) - Energias renováveis – Finanças (Fintechs) - Microfinanças e inclusão financeira - Negócios de impacto social - Saúde inteligente (Healthtech)  e Serviços e processos de gestão para micro e pequenas empresas.

 As empresas devem ficar atentas aos critérios estabelecidas no edital disponível no link FUNDECI SUBVENÇÃO ECONÔMICA 2019.

A comissão avaliadora é formada por técnicos do Banco do Nordeste e, se necessário, especialistas externos à instituição. Vale lembrar que são admitidas as parcerias com instituições científicas, tecnológicas e de inovação. Essas, podem atuar em conjunto com as empresas proponentes na execução do projeto, seja na disponibilização de infraestrutura, recursos humanos, equipamentos e outros.

Quem pode participar

As empresas interessadas em participar do edital deverão ser sediadas em municípios localizados nos estados da Região Nordeste, no norte do Espírito Santo ou no norte de Minas Gerais, ter comprovante de CNPJ com data de abertura há, pelo menos, seis meses da data da publicação do edital. Outra exigência é enquadrar-se em microempresa (ME) ou empresa de pequeno porte (EPP), com receita operacional bruta ou renda agropecuária bruta de até R$ 4.800.000,00 (quatro milhões e oitocentos mil reais) declaradas no exercício anterior.

Outros aspectos observados é ter o objeto social compatível com a atividade que será desempenhada ou contemple a cadeia produtiva da solução inovadora proposta. Apresentar solicitação de apoio ao produto, processo ou serviço que se encontre, no mínimo, em fase de prototipagem, implementação de testes, ou que já esteja no mercado.

 

Siga-nos Twitter Facebook Linkedin Youtube

Área Restrita

Fale Conosco

secretaria@sindinfo.com.br

+55 27 3026-0866

+55 27 99841-9371